Xingue-os do que você é, acuse-os do que você faz…

O amadorismo do futebol brasileiro impressiona até mesmo quem acompanha o esporte há muito tempo.

E não é que, depois fingir que pagava Ronaldinho (que também fingia que jogava) a diretoria do Flamengo agora acusa o Palmeiras de ter aliciado o jogador no início do ano, antes da rescisão de contrato.

A presidenta Patricia Amorim ameaça cobrar o valor de R$ 325 milhões a título de indenização por uma eventual negociação de Ronaldinho Gaúcho com o Palmeiras.

Justamente o time carioca que, no ano passado, tentou tirar o atacante Kleber do Palmeiras e promoveu um verdadeiro inferno astral no Verdão.

Por enquanto, a diretoria palmeirense se limitou a emitir uma nota oficial sobre o ocorrido, mas promete uma contra-ofensiva para amanhã.

Olha, depois de tudo o que essa dona aprontou por aqui no ano passado, e agora por envolver o nome do Palmeiras nessa lama, a resposta tem que ser muito, mas muito pesada.

A Sociedade Esportiva Palmeiras e o torcedor palmeirense não merecem passar por isso.

Abraço a todos!