Verdão vai a Curitiba para triturar tabu

“Tabus existem para serem quebrados”, pregava Oswaldo Brandão, um dos melhores técnicos da história da Sociedade Esportiva Palmeiras. É com esse espírito que nossa equipe jogará hoje, às 16h, contra o Atlético Paranaense, na Arena da Baixada. Nunca vencemos os paranaenses nesse estádio.

Melhor ocasião para detonar tal escrita, impossível, pois uma vitória nos ajudará a permanecer na cola do Grêmio, além de deixar os outros adversários ainda mais para trás. O duro será agüentar a “secação”, pois a partida terá transmissão da tevê aberta. Xô, pé de pato mangalô, três vezes!

Uma notícia interessante fica por conta da formação que deverá ir a campo. Luxemburgo resolveu experimentar novamente três zagueiros, com a entrada de Gustavo, felizmente recuperado de torção no tornozelo. Além disso, Jumar deve reforçar a marcação, entrando no lugar de Martinez. Se não tivermos surpresas de última hora, o Verdão entra em campo com Marcos; Gustavo, Jéci e Gladstone; Elder Granja, Sandro Silva, Jumar, Diego Souza e Jefferson; Kléber e Alex Mineiro. Evandro, Leo Lima e Martinez devem ficar no banco, como opções para o decorrer da partida.

Vale registrar aqui informações fornecidas pela assessoria de imprensa do Palmeiras. Embora nunca tenha ganhado na Arena da Baixada, nossa equipe só jogou seis vezes lá, com dois empates e quatro derrotas. Nossa última vitória contra eles na capital do estado do Paraná ocorreu em 1998: um a zero, gol de Alex, no estádio Pinheirão. No entanto, temos vantagens nos confrontos em geral.

No total, são 32 partidas, com 16 vitórias, 10 empates e 6 derrotas, 48 gols pró e 35 contra. No Brasileirão: 22 jogos, com 8 vitórias, 8 empates e 6 derrotas. Como visitante, ainda assim estamos na frente: em 18 jogos, são 8 vitórias, 5 empates e 5 derrotas.

******

Festa no Boleiros Bar hoje
Será realizada a venda de (poucos) ingressos hoje, a partir das 14:30, no Boleiros Bar. Seja rápido e não fique de fora da festa! Para quem não sabe chegar lá, o endereço é R. Min. Jesuíno Cardoso, 624.  

Exibir mapa ampliado