Verdão ganha e está nas semifinais do Paulistão

Uma vitória tranqüila como nem mesmo o mais fanático palmeirense imaginaria ver há um mês, quando ocupávamos a zona intermediária da tabela. Eis o que ocorreu hoje à tarde, no estádio Palestra Itália, perante mais de 23 mil torcedores, quando o Palmeiras venceu o São Caetano por três a um. Com o triunfo, o décimo primeiro obtido neste campeonato, o Verdão garantiu matematicamente, e com uma rodada de antecedência, vaga para as semifinais do Paulistão 2008. Somos os primeiros a carimbar o passaporte para a fase decisiva do torneio. A partida contra o Barueri, no próximo domingo, apenas irá se incumbir de definir nossa posição final no G4.

Desde o apito inicial, a equipe alviverde deu mostras de que não iria se afobar em campo. Tocando a bola com muita consciência e categoria, foi aos poucos envolvendo o fraco time em que joga atualmente Rogério “Traíra”. O gol de abertura parecia questão de tempo, e se concretizou aos 23 minutos, quando Martinez deu lançamento preciso para Valdívia, que, em cruzamento milimétrico, pôs a bola na cabeça de Alex Mineiro. O segundo gol foi o mais comemorado do ano no Palestra: Pierre Seleção, seu primeiro com a camisa alviverde, em belíssimo chute de fora da área. O jogo, na prática, estava liquidado.

Na segunda etapa, a equipe continuou a criar belas jogadas. Valdívia deu novo show, e recebeu dois prêmios: mais um golaço, aos 24 minutos, e o cartão amarelo que o livrou de ser suspenso nas semifinais. Denílson arrebentou, Alex Mineiro, idem, Diego Souza, na mesma linha……Ninguém jogou mal. Como prêmio pelo esforço, o São Caetano fez seu gol de honra em pênalti cobrado por Douglas, aos 31 minutos. Ainda não ganhamos nada, e é preciso segurar o “já ganhou” que toma conta de algumas alas da “torcida que canta e vibra”. Mas Vanderlei Luxemburgo certamente não irá deixar esse ótimo time jogar de salto alto na fase decisiva.