Verdão faz dois logo de cara e vence Ponte

O Palmeiras começou a partida na noite deste sábado (17) contra a Ponte Preta a mil por hora. Com apenas 11 minutos, já vencia por 2 a 0. Goleada à vista? Infelizmente não.

Mas no fim das contas, o time conseguiu garantir uma importante vitória por 2 a 1 contra a equipe de Campinas, o que nos permitiu dormir novamente na liderança do Paulistão 2012, com 32 pontos ganhos em 14 partidas.

Coube ao lateral Juninho abrir o marcador logo aos 2 minutos, concluindo bela jogada de Daniel Carvalho. Aos 11 minutos, foi a vez de Marcos Assunção cobrar falta do lado direito do ataque alviverde e, com maestria, ampliar o marcador.

Deola teve seu primeiro momento de destaque na partida aos 16 minutos, em chute venenoso de Renato Cajá. Aos 21 minutos, quase Daniel Carvalho faz o dele, mas Lauro defendeu.

Aos 36 minutos, quando o jogo vivia um momento mais morno, a Ponte Preta descontou. Após cobrança de escanteio de João Paulo, o zagueiro Ferrón cabeceou livre e fez o dele. Quase Román imita o zagueiro adversário, em cabeçada que passou perto do gol de Lauro aos 41 minutos.

Antes dos 10 minutos da etapa final, Barcos já tinha ameaçado a meta campineira em duas oportunidades. Ele teve pelo menos mais três outras chances claras posteriormente, mas ou Lauro impediu a bola de entrar, ou ele mandou para fora.

Enquanto isso, a Ponte Preta passou a dominar as ações e tentou criar boas chances de gol, sendo a mais aguda a ocorrida aos 26 minutos, quando Leandro Amaro salvou a nossa pátria.

Mesmo com maior domínio de bola nos 45 minutos finais, o time de Campinas não mostrou competência para transformar essa vantagem em gol, e o Palmeiras conseguiu garantir a vantagem conquistada no primeiro tempo.