Verdão estreia com vitória na Libertadores 2013

henrique_libertadores

Em partida na qual esbanjou garra e disposição em campo, o Palmeiras venceu na noite desta quinta-feira (14) no Pacaembu pelo placar de 2 a 1 a equipe do Sporting Cristal, do Peru, em sua estreia na Taça Libertadores da América 2013. Os gols foram de Henrique e Patrick Vieira, com Lobatón, de pênalti, para os peruanos.

Gilson Kleina promoveu as estreias de Weldinho (Ayrton sequer foi relacionado), Marcelo Oliveira (na vaga de Juninho) e Vilson (atuando como volante/terceiro zagueiro) no time, e o Palmeiras iniciou bem a partida, com Patrick Vieira criando boa oportunidade e chutando bem próximo ao gol adversário, aos 5 minutos.

Wesley quase fez aos 6 minutos, enquanto Fernando Prass fez sua primeira boa defesa em contra-ataque do time peruano. Com o gramado molhado em função do dilúvio que atingiu São Paulo no fim da tarde, tivemos vários passes errados e chutes de longa distância. Souza, que jogou bem e esbanjou raça e desenvoltura, chutou duas bolas, aos 24 e 35 minutos, levando perigo ao gol peruano.

Aos 39 minutos, o gol alviverde. Wesley cobrou o escanteio e Henrique cabeceou com força, vencendo o goleiro adversário. Mais confiante, o time foi pra cima e criou pelo menos mais três boas chances. A melhor saiu em bela jogada que envolveu Vinícius, Souza e Patrick Vieira, que finalizou e exigiu boa defesa do adversário.

Logo aos 6 minutos do segundo tempo, quando o Palmeiras poderia ter a oportunidade de ganhar tranquilidade e ir levando a partida sem sustos, uma falha pelo setor esquerdo da defesa alviverde gerou uma bagunça em nossa área, que terminou com pênalti de Marcelo Oliveira em Lobaton, que bateu bem e empatou a partida.

Como seria de se esperar, o onze alviverde sentiu o gol e começou a proporcionar chances ao Sporting Cristal, que não soube aproveitá-las graças a seu péssimo aproveitamento de finalizações. Enquanto isso, o raçudo Vinícius roubou bela bola e chutou no cantinho, quase fazendo um golaço aos 14 minutos.

Henrique, mais uma vez esbanjando comprometimento e disposição, além de categoria, quase faz o segundo aos 21 minutos, com bom chute que foi para fora. Aos 22 minutos, no entanto, não teve jeito.

Souza chutou forte, o goleiro espalmou, Marcelo Oliveira recebeu bom passe após o rebote, foi até a linha de fundo e cruzou. Caio Mancha (que havia entrado na vaga de Márcio Araújo) fez bem a parede e Patrick Vieira chutou forte, de esquerda, fuzilando o goleiro adversário. 2 a 1 Verdão.

Aos 24 minutos, Ronny entrou na vaga de Vinícius e fez algumas boas jogadas. Aos 29 minutos, foi a vez de Patrick Vieira sair (sentindo uma contusão), dando sua vaga a João Denoni. A partir daí, o nervosismo quase põe a perder uma vitória merecida, pois o time peruano teve pelo menos umas três chances claras para empatar a partida, especialmente com o jogador Arroe (entrou no segundo tempo) o que felizmente não ocorreu.

No fim das contas, 18.433 pessoas tiveram a oportunidade de ver o Palmeiras conquistar uma importantíssima vitória, que certamente dará moral para o clássico de domingo contra o Corinthians, além de sacramentar uma estreia positiva na competição em que todos encaram o Verdão como zebra. Que continuem encarando…