Verdão enfrenta Botafogo consolidado no G 3

Por essa os hardys de plantão não esperavam. O Palmeiras entra em campo hoje às 16h no Engenhão para a partida contra o Botafogo em situação privilegiada, no Campeonato Brasileiro.

Na pior das hipóteses, iremos manter a terceira posição que ocupamos atualmente. A vice-liderança do torneio no final do primeiro turno será nossa se o Cruzeiro empatar ou perder, sendo que, nesse segundo caso, teremos de vencer com pelo menos dois gols de diferença.

O clima entre os atletas alviverdes ficou ainda melhor graças à homenagem feita em relação ao dia dos pais, que consistiu na visita das famílias dos atletas na manhã de sábado, antes da viagem para a partida contra a equipe carioca, para dar lembranças aos mesmos. Kleber estará novamente disponível, após cumprir suspensão pelo terceiro cartão amarelo, enquanto Gladstone desfalcará a equipe por causa do mesmo problema.

Após um longo período longe da equipe, o zagueiro Gustavo deverá ser o seu substituto. A escalação poderá ter surpresas por parte de Vanderlei Luxemburgo, mas deve ser a seguinte: Marcos, Elder Granja, Gustavo, Jeci e Leandro; Sandro Silva, Jumar, Diego Souza e Valdívia; Kleber e Alex Mineiro.

Palmeiras e Botafogo já se enfrentaram 97 vezes, na história. Vencemos 38 vezes, empatamos 32 e perdemos 27, com 151 gols a favor e 125 contra. No campeonato brasileiro, são 15 vitórias, 10 empates e 8 derrotas.

O desempenho como visitante não é tão animador: 6 vitórias, 16 empates e 18 derrotas. No entanto, não perdemos para a equipe da estrela solitária desde 2001, em termos gerais, e desde 1998, no brasileirão. Os dados foram fornecidos pela assessoria de imprensa do Palmeiras.

E Alex Mineiro, com 29 gols no ano, já se tornou o maior artilheiro do Alviverde Imponente em um único ano, superando Vagner Love. Fica a torcida para que o gol de número 30 saia hoje.