Valdívia promete ser ainda melhor em 2008

 

Ontem, durante a pré-temporada que o Palmeiras faz em Atibaia, o craque Valdívia falou com a imprensa sobre os seus planos para este ano, e como se sente fazendo parte deste grupo que tem tudo para arrebentar.   

“A torcida e o técnico Vanderlei Luxemburgo podem ficar tranqüilos que serei outra pessoa em 2008. Vou mudar meu comportamento e minhas atitudes dentro de campo. Reconheço que o excessivo número de cartões prejudicou eu e principalmente o clube no ano passado. A diretoria ficou brava, com razão, quando aconteceu tudo aquilo. Mas estou com a mente aberta para ouvir tudo o que o Vanderlei tem para falar comigo, pois não posso e não quero repetir os erros cometidos em 2007”, explicou, em entrevista coletiva concedida na tarde de ontem.

Assim como já havia ocorrido durante toda a temporada passada, o chileno voltou a pregar amor ao Palmeiras. E explicou os motivos que o fazem tão feliz vestindo a camisa alviverde (apesar de ter falado bem mais aqui na sua entrevista para Mondo Palmeiras).

“O Palmeiras confiou em mim quando me contratou. Para um estrangeiro, é sempre mais difícil a adaptação, mas aqui, com o tempo, passei a gostar e a me sentir em casa. Falo com toda sinceridade que não tenho vontade de sair. A Europa é sempre um objetivo, mas eu estou tão legal no Palmeiras que nem penso nisso. Vou fazer de tudo para ser campeão antes de deixar o clube.”

Valdivia teve humildade para reconhecer que ainda precisa de muita coisa para se transformar em ídolo no clube.

“Os torcedores me tratam como ídolo e isso é uma alegria muito grande. O carinho de todos é contagiante. Mas eu ainda não ganhei nada pelo Palmeiras. Estou aqui para aprender e retribuir tudo o que o clube tem feito por mim.”

Além de falar com a imprensa, o Mago também falou com exclusividade para Mondo Palmeiras. Aguardem novidades!

 **************

Ouça abaixo o Torpedo Verde Especial, boletim diário da Rádio Mondo Palmeiras. Hoje, o Goleiro Verde que esteve em Atibaia ontem, fala sobre o treinamento do professor Luxemburgo! Imperdível!