V.Love vai mesmo "de volta para sua terra"

Terminou a novela. Acabou a palhaçada. A era V.Love termina hoje no Palmeiras, pois o jogador finalmente conseguiu chegar a um acordo com o CSKA, e está liberado para atuar pelo seu time do coração até o mês de junho.

Esta sua segunda passagem pelo clube foi um completo fracasso, e não poderia terminar de outra forma. O Palmeiras, com a saída de Love, deixará de pagar o seu alto salário até junho, e ainda ficará livre de pagar ao jogador uma alta quantia referente a direitos de imagens e luvas (aproximadamente R$4 milhões, conforme apuramos).

É impossível saber quanto o Palmeiras lucra com essa negociação, pois além do ônus financeiro, o jogador era um verdadeiro peso morto dentro de campo, participando pouco, e atrapalhando muito o time (não por acaso, depois de sua chegada, o rendimento do time só caiu).

O episódio com alguns “torcedores” num banco em São Paulo foi lamentável. Totalmente condenável. No entanto, serviu como bode expiatório para que Love pedisse para deixar o clube, e tentasse ainda sair como vítima de uma situação que ele próprio criou.

As vaias dentro de campo, condizentes com o futebol apresentado por ele, certamente eram bem mais cruéis  que aqueles três acéfalos que o agrediram covardemente.

Pois é, a diretoria acreditou, nós todos acreditamos, mas não deu certo. Love passou, mas o Palmeiras continua. E muito mais forte, com certeza.

Abraço a todos!

******

Hoje, às 21hs, os garotos do Palmeiras enfrentam o Fluminense pela Copa São Paulo de futebol Junior. É mata-mata.

uol_logoClique aqui para ouvir a Rádio Mondo Palmeiras – Edição 162.