Time sem vergonha, e sem Libertadores

Um fracasso atrás do outro. Um dos maiores fiascos da história. Depois de liderar o Campeonato Brasileiro por 19  rodadas, o Palmeiras salvou o Botafogo da segunda divisão, com uma derrota ridícula por 2 a 1, no Engenhão.

O time entrou mostrando vontade, mas esbarrou no mesmo problema das últimas rodadas.  Falta de ânimo, organização, e poder ofensivo. O ataque de risos composto por DS, e Vágner Love passou os 45 minutos da primeira etapa sem fazer nada.

O único que levou perigo ao gol adversário foi o destrambelhado Armero, num chute fora da área.

Na segunda etapa, o time conseguiu voltar pior do que no primeiro tempo, e tomou dois gols. Um deles ilegal, mas que não tira os méritos da vitória do time carioca.  Robert, que teve poucas chances com o teimoso Muricy, ainda fez o seu golzinho no final.

Final  de ano melancólico. E agora, quem deve ficar nesse time em 2010?