Sr.Arnaldo Tirone, de que lado tu estás?


Por Flavio Canuto

Por mais que a gente tente por aqui falar apenas sobre o futebol do Palmeiras, é impossível deixar de comentar o que acontece fora das quatro linhas.

A bola da vez é a infeliz queda de braço entre Roberto Frizzo e Felipão. Por conta dos cargos que ocupam, são as duas pessoas mais importantes hoje no departamento de futebol do clube.

Se os dois não falam a mesma língua, trocam farpas via imprensa, é claro que as coisas não vão funcionar ali. E não estão funcionando mesmo.

Ontem, questionado pela imprensa, o dirigente palmeirense afirmou que tudo foi resolvido entre ele e Felipão.

Difícil é acreditar que esteja tudo resolvido mesmo. Mais difícil ainda é acreditar que, Arnaldo Tirone, superior dos dois, ainda não tenha feito nada para resolver (mais) esse problema.

Por outro lado, é muito fácil acertar qual será o destino do treinador, caso ele perca essa queda de braço com Frizzo.

Vai comandar algum dos nossos principais rivais, onde terá muito mais tranquilidade para trabalhar.

Isso não quer dizer que o treinador não deva ser criticado pelos seus vários erros, e que tenha carta branca para agir. No entanto, entre ele e o inoperante Frizzo, fico com o primeiro.

E com quem o Sr.Arnaldo Tirone vai ficar?