Série B poderá ser o começo do fim…ou um novo recomeço

Desde quando este site começou a ter um número significativo de visitas diárias, comecei a pensar duas vezes antes de emitir qualquer opinião por aqui.

Neste momento, com o time quase rebaixado para a segunda divisão e os ânimos a flor da pele, o cuidado é bem maior.

Quem também deveria ter um pouco mais de cuidado são os membros da atual administração que, apesar de terem sido eleitos por meia dúzia de conselheiros do falido clube social, são odiados por milhões de palmeirenses.

A situação está tão fora de controle que mesmo aqueles que apenas apoiam a atual administração estão sendo hostilizados dentro do clube. Isso é lamentável, MONDO VERDE NÃO concorda com o emprego da violência contra dirigentes amadores ou atletas profissionais.

Todos os clubes que enveredaram por este caminho acabaram na terceira divisão ou desapareceram.

A mudança deverá vir das urnas e não através da barbárie, mas para isso precisamos de eleições diretas com votos dos sócios já em 2013 e eleições com inclusão dos votos dos sócios-torcedores para os pleitos seguintes.

Se o estatuto do clube permite que uma Assembléia Geral seja convocada para arrancar a atual administração do poder, que façam isso então (e logo)…o torcedor não merece continuar sofrendo até o final do ano com esta que é  a pior diretoria da história do Palmeiras.

O ideal seria que TODA a diretoria renunciasse antes do jogo de quarta-feira, mas as coisas não funcionam assim e nem isso resolveria muita coisa.

Infelizmente, o nosso problema não é apenas esta diretoria, mas sim este sistema arcaico que os colocou no poder e fará o mesmo para os seus filhos, netos e bisnetos.

Ou esse ciclo vicioso chega ao fim, ou é o futebol palmeirense que vai acabar…e não falta muito para isso.

A hora é agora!!!