Redenção de Diego e vitória no Maracanã

Depois de ter sido execrado por alguns torcedores mais afoitos, Diego Cavalieri voltou a mostrar seu enorme talento, desta vez no que sobrou do antigo “maior estádio do mundo”. O Maracanã foi palco de uma grande atuação do goleiro alviverde, que fez grandes defesas e mereceu a ajuda da trave, quando não conseguiu chegar a tempo. Com um belo gol de Valdívia, o Palmeiras venceu o Fluminense por um a zero, e faz as pazes com a vitória. Triunfo merecido, apesar do grande esforço da equipe treinada por Renato Gaúcho.Sem um centroavante de ofício, o time de Caio Jr. penou nos primeiros vinte minutos, com saída de bola deficiente e sofrendo pressão por parte do Fluminense. No entanto, as tentativas de parte a parte sequer permitiram aos goleiros sujar seus uniformes. Com o contra-ataque a seu dispor, nosso Verdão aos poucos cresceu na partida, e, aos 40 minutos, em grande lançamento de Edmundo, Valdívia entrou, driblou o goleiro do time carioca e abriu o marcador. Em jogada idêntica, aos 44 minutos, quase El Mago faz outro.

Na segunda etapa, o Flu veio mais coeso e pressionou bastante, mas sua primeira grande chance teve como origem falha gritante do árbitro, que anotou pênalti de Wendel, quando havia sido apenas uma falta fora da área. Somália cobrou, Diego defendeu, e desta vez, o rebote não gerou gol. Só aos 20 minutos conseguimos um ataque perigoso, em grande jogada de Luis Henrique. No entanto, mesmo com grande pressão do Fluminense, não só a zaga se mostrou bastante efetiva, como Diego tornou-se a principal figura do jogo, com pelo menos três grandes defesas.

Por sua vez, Valdívia cresceu novamente, com grande lançamento para Edmundo, que só não fez porque o goleiro do time carioca resolveu dar uma de milagreiro. E Pierre Seleção foi injustamente expulso, após levar um segundo cartão amarelo por falta normal. Grandes atuações de Gustavo, Dininho, Pierre Seleção, Makelele e Valdívia. E três pontos justamente conquistados.