Quem está na chuva é pra se…ferrar

Não sou nenhum Mauro Beting (olha a polêmica), mas já estive em muitos estádios. Já vi muitos jogos de equipes sem expressão, sem tradição. Até fora do País tive a oportunidade de ver alguns jogos. Confesso que não me lembro de nada parecido com o que passei ontem Ituano 1 x 1 Palmeiras, disputado debaixo de muita, mas muita chuva. 

A torcida, como sempre animada para ver os craques do time, compareceu em bom número apesar do preço abusivo dos ingressos. Todos ansiosos, aguardando para ver de perto K9, Diego Souza, Pierre…simplesmente quebraram a cara quando perceberam que estavam diante de Jeci, Marcão (não o original), Jumar & Cia. 

Sei que o time já está praticamente classificado para as semifinais do Paulistão, e com méritos, mas levar a campo uma formação dessas é uma irresponsabilidade sem limites. Creio que nem contra os lanternas da competição podemos nos arriscar tanto.

A justificativa para tantos desfalques foi o “desgaste emocional” que o elenco vem passando. Com apresentações como a de ontem o que vai se desgastar mesmo é a relação da torcida com o time, e o moral do jogadores.

Isso não pode acontecer agora quando precisamos contar com todas as forças possíveis e imagináveis para encararmos uma verdadeira decisão contra o Sport, pela Libertadores.  Pense nisso, Luxa.

Juro que se nos classificarmos para a segunda fase do torneio continental, prometo esquecer desses cinquenta reais que praticamente perdi ontem. 

Abraço a todos!