Quanto vale o show?

Ontem coloquei um post sobre os valores dos ingressos para o jogo contra o Cruzeiro. Uma outra questão surgiu, no entanto, qual o valor justo para o ingresso de um jogo do Palmeiras?

Olha, analisando friamente o ideal é que o clube feche as contas no azul, e cobre pelos ingressos um valor acessível para a maioria dos torcedores. Simples? Nada disso.

Quando o futebol brasileiro não sofria tão fortemente a concorrência dos clubes europeus, os custos dos clubes eram bem mais baixos, assim como os preços dos ingressos.

Hoje em dia, os jogadores ganham salários de artistas (não que algum dia tenham deixado de ser), e o show ficou muito mais caro. Se o valor do ingresso não acompanha os valores do espetáculo, o time não fecha no azul. Isso não é uma opinião pessoal, mas matemática mesmo. Se você gasta mais do que ganha, vai ficar no vermelho, pouco importa o tamanho do seu salário.

Por outro lado, se todos os ingressos forem caros demais para o bolso do torcedor comum,  corremos o risco de superlotar o Palestra com um público exigente demais, paciente de menos, e que muitas vezes não canta e vibra como o nosso hino sugere.

Como resolver esse dilema? Confesso que ainda não sei, mas é algo que precisamos resolver… e antes da tão desejada Arena Palestra Itália.

Abraço a todos!