Quais devem ser os nossos próximos passos?


Muita coisa foi dita ontem, no calor dos acontecimentos, mas e agora, o que pode acontecer com o Palmeiras nesta temporada? E a relação com a FPF, como fica?

* O ano não acabou com essa interferência externa. Perdemos o Paulistão na mão grande, mas não podemos desperdiçar tudo o que foi feito até aqui. Até há bem pouco tempo não tínhamos um time.

* A Libertadores não dá trégua, o Brasileirão já começa no final de semana. Na quarta-feira já teremos jogo importante demais, contra o Boca Juniors. Será um ótimo momento para reagir e esquecer esse absurdo!

* O presidente Maurício Galiotte pode ter exagerado em alguns momentos (não concordo com o termo Paulistinha), mas falou exatamente o que o torcedor queria que algum cartola dissesse. Ponto pra ele!

* O treinador está apenas começando o seu trabalho. Não é um erro de arbitragem que vai destruir isso. O Roger Machado merece todo o nosso apoio para continuar essa verdadeira revolução que ele vai fazer por aqui. Ele já fez algo parecido no Grêmio e tem todas as condições de fazer ainda mais na nossa forma de jogo.

* A diretoria deve repensar essa estratégia de “guerra” contra a FPF, CBF, etc. Apesar da força da camisa, da torcida, o Palmeiras não vai conseguir enfrentar sozinho todo o establishment do futebol brasileiro. Esqueçam!

É isso aí. Abraço a todos!