Pressionado, Palmeiras enfrenta o Peñarol em Montevidéu

O Campeonato Paulista não vale tanto assim para quem é campeão, mas quem é desclassificado é sempre muito mais pressionado nas outras competições que participa. Não é diferente com o Palmeiras que hoje enfrenta o Peñarol, no Estádio Campeón Del Siglo.

A desconfiança com o trabalho do técnico Eduardo Baptista, bem como com a performance de alguns atletas, fazem com que a partida de hoje seja muito importante para a sequência do time nesta temporada.

Com sete pontos, o Palmeiras pode praticamente resolver a sua classificação para próxima fase com uma vitória hoje. Para o time uruguaio, uma derrota significa praticamente o fim da Libertadores. Ficaria muito difícil para eles seguir em frente com apenas três pontos.

O Palmeiras não vai poder contar com o Dudu, injustamente expulso, vamos provavelmente com o Michel Bastos na sua vaga. Muito se fala sobre Borja no banco de reservas, mas acho isso pouco provável. Wilian Bigode não é centroavante e o Alecsandro não dá.

Espero também que o treinador não monte o time novamente com aqueles buracos entre defesa e ataque (4-1-4-1) e que todos entendam a importância desta partida e que não caiam nas provocações dos uruguaios.

O provável time que vai a campo é o seguinte: Fernando Prass; Jean, Mina, Edu Dracena e Zé Roberto; Felipe Melo, Róger Guedes, Guerra, Tche Tche e Michel Bastos (Willian); Borja.

O melhor pós-jogo de Peñarol x Palmeiras você acompanha aqui no Clube Mondo Verde.

Abraço a todos!