Palmeiras vence o Inter pela Copa do Brasil

Em partida bastante equilibrada, o Palmeiras conseguiu vencer pelo placar de 1 a 0 o Internacional na noite desta quarta-feira (17), perante 31.463 pessoas na Allianz Parque. Desta forma, o Verdão precisa de um empate, ou derrota por um gol de diferença (desde que faça ao menos um tento) na partida de volta para avançar rumo às quartas-de-final da Copa do Brasil 2017.

No melhor estilo Cuca, o Palmeiras pressionou a saída de bola do Internacional nos primeiros minutos da partida, mas sem criar chances de gol. Aos 11 minutos, foi o time gaúcho quem chegou com perigo, em lance que teve bola na trave em desviada de Borja, rebatida e depois boa defesa de Fernando Pass. Aos 16 minutos, o goleiro alviverde espalmou a bola após cobrança de escanteio.

Borja recebeu bom lançamento aos 21 minutos, mas o goleiro Daniel saiu bem e salvou. Logo a seguir, aos 22 minutos, Marcelo Cirino recebeu um bom cruzamento e cabeceou para fora. Aos 23 minutos, uma oportunidade mal aproveitada por D’Alessandro, que bateu para fora uma falta na região da área do Verdão.

Aí, o Palmeiras resolveu crescer na partida. Aos 30 minutos, Borja lança Guerra, que limpa o zagueiro adversário, mas chuta para cima do gol do Inter. Aos 32 minutos, no entanto, sai o gol. Felipe Melo lança Willian, que vai até a linha de fundo e cruza. O zagueiro Leo Ortiz se antecipa para impedir Borja de finalizar, mas acaba arrematando contra a sua própria meta. E Borja ainda mandaria uma bola na trave, aos 41 minutos, após driblar o goleiro.

O Verdão voltou um pouco melhor para a etapa final, e aos 10 minutos teve uma boa oportunidade, com Dudu arrematando para fora. Aos 14 minutos, Willian obriga Daniel a fazer uma defesa segura. Aos 16 minutos, Mina faz bela jogada e lança para Borja, que cabeceia para fora. Aos 23 minutos, Willian chuta forte, e mais uma vez o jovem goleiro do time gaúcho salva a sua pátria.

A partir daí, os comandados por Antônio Carlos Zago tomaram conta da partida. Aos 32 minutos, por exemplo, Fernando Prass fez uma grande defesa em cabeçada de Rodrigo Dourado, após cobrança de falta. Os gaúchos acuaram a equipe alviverde, que soube se defender. E o segundo gol poderia ter saído aos 45 minutos, mas Dudu, ao invés de passar para Erik, livre, chutou em cima do goleiro, que mandou para escanteio.

As notas dos jogadores do Palmeiras:

Fernando Prass8,0– Seguro e atento, fez pelo menos duas boas defesas durante a partida.

Jean6,5– Discreto, mas bastante útil.

Yerry Mina7,5– Bem na defesa e ainda ajudando com categoria no ataque.

Edu Dracena7,0– Muito regular durante toda a partida.

Zé Roberto6,5– Bastante útil durante a partida, embora sem brilhar.

Felipe Melo6,0– Errou alguns passes comprometedores e insistiu em reclamar de cada jogada, embora tenha dado um bom passe na jogada do gol.

Tchê Tchê6,5– Bem útil, mesmo sem uma performance à sua altura.

Guerra7,5– Deu trabalho à defesa do Inter enquanto esteve em campo. Saiu cansado aos 38 minutos do segundo tempo substituído por Erik-sem nota, que não teve muito tempo para mostrar serviço.

Dudu6,5– Fez até uma boa partida, mas pecou por ser fominha no finalzinho, quando podia ter dado um gol feito para Erik.

Willian7,0– Apareceu com perigo no ataque e ainda ajudou na marcação. Aos 37 minutos do segundo tempo, deu sua vaga a Fabiano-sem nota, que jogou apenas alguns minutos e não comprometeu.

Borja7,0– O colombiano vai melhorando aos poucos, com boas assistências e participando da jogada do gol. Saiu aos 26 minutos do segundo tempo substituído por Róger Guedes-6,0, que atuou de forma discreta mas fez um desarme no finalzinho que salvou boa oportunidade do Inter.