Palmeiras vence e Felipe Melo faz o seu primeiro gol com a camisa do Verdão

Cada jogo tem a sua história. Algumas partidas têm também um ritmo diferente e foi assim esse reencontro com o Mirassol, no Allianz Parque. Com o Palmeiras desfalcado, e classificado para a próxima fase, o principal objetivo (além da vitória) era “rodar o elenco”.

O técnico Eduardo Baptista surpreendeu a todos com a escolha por Rafael Marques. Com Arouca e Tchê Tchê impossibilitados de ir pro jogo, o treinador apostou no atacante, cuja permanência no clube é sempre questionada.

O primeiro tempo foi horrível. Não esperava nada diferente, pois com sete “reservas” em campo e que não costumam atuar juntos, o entrosamento era zero. Muitos passes errados, ligações diretas, poucas chances de gol criadas e um adversário fechado atrás, sem se arriscar no ataque.

Depois de uma falta sobre Roger Guedes, o Palmeiras conseguiu abrir o placar logo no início da segunda etapa, numa bola que sobrou dentro da pequena área para o Rafael Marques. O gol foi excelente para ele, um jogador querido por todos dentro do grupo, e também para a partida.

Perdendo por um a zero, o Mirassol teve que sair pro jogo. Foi aí que o eterno Xuxa apareceu, cruzando muitas bolas na área para Fernando Prass, que não precisou trabalhar muito desta vez. Aliás, muita gente pedia Jaílson em campo nesta partida, mas Prass está de olho numa vaga na Seleção Brasileira e não iria ficar em casa de jeito nenhum.

O “rodízio” seguiu com as entradas de Alecsandro e Erik, nas vagas de Willian e Rafael Marques. A torcida pediu Vitinho, que realmente merece mais chances, e ele entrou na vaga de Raphael Veiga. Todos ficaram pouco tempo em campo e ninguém fez nada de significativo.

Felipe Melo, que voltou a abusar dos carrinhos na primeira etapa, fez o seu primeiro gol com a camisa do Palmeiras. Depois de uma cobrança de escanteio perfeita de Michel Bastos, Felipe subiu no tempo certo e deu uma cabeçada forte e certeira no ângulo direito. Golaço!

Tanto o Felipe quanto o Michel Bastos foram ótimas contratações. São experientes e jogam bem demais, ambos serão jogadores muito importantes nesta temporada.

Nosso próximo adversário nesta “intertemporada de luxo” será o desesperado Osasco Audax. O vice-campeão paulista luta contra o rebaixamento e precisa de pelo menos um empate neste sábado. Quem será que joga no nosso time?

Abraço a todos!