Palmeiras vai recorrer, afirma Toninho Cecílio

No dia de seu aniversário, o gerente de futebol Toninho Cecílio, 41 anos, comentou sobre o resultado do laudo que inocentou o Palmeiras de qualquer culpa pelo episódio do gás na partida contra o São Paulo, pelo Campeonato Paulista, no estádio Palestra Itália.

“O Palmeiras está satisfeito com o resultado do laudo, pois o mesmo deixou claro que a estratégia de segurança adotada naquela partida foi perfeita. A perícia técnica fez uma relatório minucioso e trouxe inclusive fotos que mostram a movimentação do público durante o intervalo do jogo, quando não foi constatada a presença de torcedores próximos à janela do adversário”.

Toninho também afirmou que o clube vai recorrer da punição de dois jogos sofrida nesta segunda-feira, em julgamento realizado no Tribunal de Justiça Deportiva [TJD] de São Paulo. “Respeitamos a decisão do TJD, que tem obrigação de analisar os fatos e se preocupar em zelar pela segurança do que acontece numa partida de futebol, mas consideramos injusta a punição de acordo com que o laudo apresentou e pretendemos recorrer dentro da nossa defesa”.

Quando perguntado se o clube manteria o direito de fazer novos jogos contra o São Paulo no estádio Palestra Itália, o gerente palmeirense foi contundente.”Vamos exercer sempre o direito de jogar no Palestra. Em qualquer circunstância vamos querer atuar em nossa casa, pois jamais tivemos problemas em jogos considerados de alto risco”.