Palmeiras tem gol mal anulado e empata com Grêmio

Por Fabian Chacur

Teria sido um jogo inesquecível para o atacante Diogo. Além de jogar bem, ele de quebra ainda teria feito o gol de uma importante vitória para o Palmeiras. Mas o bandeirinha não quis assim E graças a esse gol mal anulado, o Verdão ficou no empate em 0 a 0 contra o Grêmio na tarde deste domingo (1º) em Caxias do Sul (RS) pelo Brasileirão da série A.

Com Wellington na zaga e Marcelo Oliveira no meio-campo na vaga de Wesley, suspenso, o Palmeiras começou a partida tomando um sufoco daqueles. Com apenas 5 minutos de jogo, Barcos já havia perdido duas boas chances de gol, em cruzamentos feitos pelo lado direito da zaga alviverde.

O Grêmio ainda criaria duas outras jogadas de perigo, ambas com Rodriguinho, aos 10 e 17 minutos. A partir daí, o jogo aos poucos foi se tornando mais equilibrado, com o Verdão conseguindo tocar mais a bola. Diogo quase faz aos 22 minutos, em chute desferido de fora da área.

O momento mais agudo da etapa inicial ocorreu aos 31 minutos, em jogada criada pelo lado esquerdo do ataque alviverde que acabou encontrando a trave gremista em finalização de Felipe Menezes um pouco prejudicada pela presença de Diogo na mesma jogada. Henrique tomou um cartão amarelo pouco depois.

Aos 35 minutos, Alan Ruiz arriscou de longe e assustou Fábio, enquanto Marcelo Oliveira tomou cartão amarelo aos 40 minutos. A etapa inicial terminou morna, com a torcida local vaiando seu time, enquanto o Palmeiras ao menos mostrava um pouco mais de equilíbrio em campo.

O Palmeiras voltou mantendo a pressão em cima do Grêmio, e fez gol legítimo aos 7 minutos, com Diogo cabeceando livre e mandando para o fundo da meta de Marcelo Grohe. Pena que o bandeirinha viu impedimento dele, que não ocorreu. Até o agora comentarista global PCO viu a falha da arbitragem. Um horror!

Felizmente, o Verdão não sentiu o erro absurdo contra si e continuou dominando a partida. Se não tivesse um meia com arremate tão ruim ao gol como Felipe Menezes, poderia perfeitamente ter feito outro gol e garantido a vitória, mas isso não ocorreu.

Por sua vez, o Grêmio tentou melhorar as coisas para si com as entradas de Kleber Judas na vaga do vaiado Barcos e do veterano Zé Roberto, mas nada adiantou. Outro problema gerado pela arbitragem: Lúcio e Henrique tomaram o terceiro amarelo, e não irão enfrentar o Santos após a Copa.

As notas dos jogadores do Palmeiras:

Fábio6,0– A rigor não teve trabalho durante a partida, pois o Grêmio acertou poucas bolas no gol.

Wendel5,5– Começou muito mal, tipo mapa da mina para o adversário, mas foi melhorando e acabou de forma equilibrada.

Lúcio6,0– Cometeu apenas uma falha durante todo o jogo e soube comandar a defesa alviverde.

Wellington6,0– Voltou bem e mostrando que merece ser o titular da zaga alviverde.

William Matheus6,0– Bom no apoio e com muita disposição. Quem precisa de Juninho Pampers?

Marcelo Oliveira5,5– Muito esforçado como de praxe, quebrou o galho no meio-campo, sua posição de origem.

Renato-6,0- A garra e a dedicação de sempre. Jogador bem útil, mesmo jogando de forma bem discreta.

Felipe Menezes-5,0- Melhor do que em partidas anteriores, mas continua chutando mal de dar dó e perdendo boas oportunidades de gol. Substituído aos 39 minutos por Josimar-5,0-, que correu bastante e ajudou a manter o empate no finalzinho.

Diogo7,0– Melhora a cada nova partida. Vai para cima, cria jogadas, finaliza e ainda ajuda muito na marcação. Teria feito o gol da vitória, não fosse o péssimo bandeirinha.

Henrique5,0– Outra partida apagada, e ainda de quebra tomou o terceiro amarelo, ficando de fora do próximo jogo.

Marquinhos Gabriel5,5– Correu bastante, criou algumas boas jogadas e mostrou que pode ser útil para o time.