Palmeiras perde a invencibilidade em Fortaleza


Por Fabian Chacur

Kleber normalmente é o termômetro do atual time do Palmeiras.

Quando ele não joga bem, dificilmente o Alviverde Imponente consegue um bom resultado. E foi precisamente o que ocorreu hoje, quando o camisa 30 pouco fez em campo. Sorte do Ceará, que na tarde deste domingo (26) conseguiu vencer por 2 a 0, acabando com a invencibilidade do adversário no Brasileirão 2010.

O Palmeiras até começou bem a partida, com boa jogada de Rivaldo logo a 1 minuto, com cruzamento para Wellington Paulista e boa defesa de Fernando Henrique. Aos 7 minutos, no entanto, o centroavante Washington, aquele mesmo, fez de cabeça após cobrança de escanteio.

A partir daí, o Ceará teve a oportunidade de jogar fechadinho, vindo para cima e se aproveitando do fraco futebol do adversário. Aos 23 minutos, Marcos faz duas defesas importantes, enquanto no minuto seguinte, Boiadeiro chuta de l onge e acerta a trave alviverde.

Aos 32 minutos, Marcos Assunção, provavelmente o jogador mais lúcido do Verdão em campo na partida deste domingo, cruza bola perigosa e obriga Fernando Henrique a boa defesa. Antes, Cicinho havia saído contundido, substituído por Patrik.

Aos 45 minutos, quando todos aguardavam o apito do árbitro, o Ceará conseguiu o seu segundo gol, com Thiago Humberto aproveitando rebote da defesa alviverde.

A etapa final teve péssima qualidade técnica, com o time de Scolari dominando a partida mas criando raríssimas chances reais de gol, enquanto o Ceará mostrava grande incompetência em aproveitar os contra-ataques que lhe eram oferecidos.