Palmeiras pega Paulista em alto astral

Quatro vitórias seguidas no campeonato, sendo a mais recente delas uma goleada inapelável contra o maior rival/inimigo. Todos os jogadores do elenco disponíveis. Uma semana absolutamente tranqüila nos treinamentos. E, de quebra, a convocação, ontem, do zagueiro Henrique para defender a seleção brasileira no amistoso de quarta-feira na Inglaterra, contra a Suécia. Ah, e tem um último dado: o Noroeste perdeu do Mirassol na noite de ontem, ou seja, a rodada começa promissora. É desta forma que o Palmeiras entra hoje, às 18h10, em Jundiaí, para pegar a equipe do Paulista, com o objetivo de manter a vice-liderança do Paulistão 2008. Ou, se preferirem, mais um passo rumo à liderança e ao título deste campeonato.

Pierre, que cumpriu suspensão automática no jogo contra o time do Jardim Leonor, está de volta. Vanderlei Luxemburgo deve escalar a equipe que vem sendo considerada a titular: Marcos, Elder Granja, Henrique, Gustavo e Leandro; Pierre, Leo Lima, Diego Souza e Valdívia; Kleber e Alex Mineiro. O último treino de preparação ocorreu em clima tranqüilo, com os atletas ao mesmo tempo bem-humorados e conscientes da responsabilidade em torno deles.

Afinal, o time é a atual sensação do torneio, que não vencemos desde 1996. Os tempos felizmente mudaram no alviverde, vide a convocação de um jogador nosso para a seleção, algo que, segundo a assessoria do Palmeiras, não ocorria para um jogo oficial desde 2005, quando Marcos esteve no grupo que disputou a Copa das Confederações. A única notícia ruim é conseqüência dessa boa: o zagueiro não jogará contra a Lusa, na próxima quarta-feira. Costumo ficar bravo com os desfalques que essas convocações geram, mas prefiro encarar pelo lado positivo: Henrique merece, e é sinal de mudança dos tempos, ou seja, voltamos a ser uma equipe com jogadores em nível de seleção. Beleza!

**************

Ouça também abaixo o Torpedo Verde, boletim diário da Rádio Mondo Palmeiras.