Palmeiras massacra Central e avança na Copa do Brasil

Cada dia que passa, fica mais evidente uma coisa: com o elenco que tem, nosso Alviverde Imponente tem munição para encarar qualquer adversário por aí. Ainda mais com Vanderlei Luxemburgo no banco. Não significa que iremos vencer sempre. Mas quase sempre, podem ter certeza de que sim. Foi o que ocorreu hoje. Após sofrer pressão na primeira metade do primeiro e do segundo tempos, o Palmeiras acabou impondo uma goleada de cinco a um ao Central de Caruaru, que saiu sem eira, nem beira do estádio Luiz José de Lacerda, uma espécie de boate, com sua péssima iluminação. 

A equipe treinada pelo patético Marcelo “Pãozinho” Vilar até que se esforçou, e fez um bom início de jogo, dando trabalho a Marcos e sua turma. No entanto, a coisa mudou de figura rapidamente. Leandro, em grande jogada pela direita, acertou uma bomba na trave, e, no rebote, Kleber mandou para o fundo do gol adversário, aos 18 minutos.

O mesmo Kleber também chutou uma bola na trave, aos 36. E El Mago fez o seu, de cabeça, em cruzamento de Elder Granja aos 42 minutos.

Na etapa final, o Verdão entrou em campo visivelmente desligado, e permitiu ao Central uma pressão muito grande, que gerou um gol espírita, de William, em cobrança de escanteio, aos 11 minutos. O bonequinho Hardy já antevia um novo Asa de Arapiraca em nosso caminho. Só que vivemos novos tempos. Luxa pôs em campo Alex Mineiro e Martinez nos lugares de Denílson e Diego Souza, e acertou em cheio. O camisa 11, agora atleta Mondo Palmeiras, fez um golaço de falta aos 35 minutos, e, de quebra, sofreu o pênalti que Alex Mineiro converteu, com paradinha e tudo, aos 40 minutos.

Nosso centroavante matador faria mais um, desta vez cobrando penalidade sofrida por El Mago. No fim das contas, nada de jogo de volta e uma semana livre para treinar, visando as semifinais do Paulistão. Beleza pura!

************

Ouça também o Torpedo Verde, boletim diário da Rádio Mondo Palmeiras.