Palmeiras goleia Capivariano no Allianz Parque

O Palmeiras goleou a equipe do Capivariano na tarde deste domingo (6) na Allianz Parque pelo placar de 4 a 1, em jogo válido pelo Paulistão 2016. O resultado foi justo, com a equipe alviverde traduzindo em gols sua ampla vantagem técnica em relação ao adversário, que só deu um pouco de trabalho na etapa inicial

Jogando contra uma equipe de parcos recursos técnicos, o Palmeiras veio tocando bem a bola e logo aos 7 minutos abriu o marcador, com Allione finalizando bem após lançamento de Egídio e uma bela preparada de Cristaldo. A impressão é de que uma nova goleada estava a caminho.

O time continuou criando chances, especialmente em chutes de Rafael Marques, mas aos poucos foi perdendo o embalo. Com uma substituição, o Capivariano deu uma crescida, e em sua primeira chegada efetiva à defesa alviverde, sai o gol, em cruzamento pelo lado de Lucas que encontrou Rodolfo, que havia acabado de entrar, completamente livre para marcar, aos 29 minutos.

O time de Marcelo Oliveira sentiu um pouco o empate, mas continuou tentando atacar, novamente com chutes a gol de Rafael Marques. E aos 40 minutos veio o segundo gol: Egídio cobra falta pela esquerda de nosso ataque, Thiago Santos não consegue rebater e o zagueiro Thiago Santos desviou para a meta adversária.

Logo a 3 minutos do segundo tempo, pênalti a favor do Verdão, que Cristaldo converteu graças a uma cobrança forte e no meio do gol. A partir daí, o Palmeiras tomou de vez o controle de jogo, com o adversário mostrando o porque é o lanterna da competição, e o ritmo caiu, como seria de se esperar.

O time de Marcelo Oliveira foi tentando ampliar o marcador sem muita ansiedade, e conseguiu isso aos 41 minutos, quando Alecsandro aproveitou rebote do goleiro adversário após chute de Allione. Com a vitória, o Palmeiras retoma a liderança do grupo B do Paulistão, passando o Ituano.

As notas dos jogadores do Palmeiras:

Fernando Prass6,0– Quase não foi exigido, e não teve culpa no gol.

Lucas4,5– Outro desempenho fraco do lateral direito, sendo que o tento do adversário saiu pelo seu setor. Saiu aos 17 minutos do segundo tempo substituído por Arouca-5,0, que teve desempenho discreto.

Vitor Hugo6,0– Não foi muito exigido, mas quando isso ocorreu, estava atento.

Thiago Martins6,0– Partida sóbria e com direito a seu primeiro gol na temporada. Esse garoto tem futuro.

Egídio5,0– Se não foi brilhante, ao menos não comprometeu.

Thiago Santos-6,0- Partida consistente, especialmente nos desarmes.

Jean-6.0- Bem no meio-campo e bem quando foi para a lateral direita, a partir dos 17 minutos da segunda etapa

Allione-6,0- Fez o primeiro gol do Verdão e teve desempenho bem razoável.

Dudu-6,0- Se não brilhou, ao menos deu trabalho para a fraca defesa adversária.

Rafael Marques-6,5- Muita movimentação e bons chutes a gol em sua melhor partida no ano. Saiu aos 27 minutos do segundo tempo substituído por Erik-4,5, que teve performance apagada.

Cristaldo-6,5- Muita garra, um gol de pênalti e assistência no gol de Allione. Saiu aos 30 minutos do segundo tempo substituído por Alecsandro-5,0, que mostrou estrela e fez um gol de puro oportunismo. Não merece ser vaiado!