Palmeiras ganha e avança na Copa do Brasil

A vitória pode ter sido magra, mas foi justa. Melhor: valeu vaga para as oitavas de final da Copa do Brasil. Um a zero contra o Paysandu no Palestra Itália, perante 7.406 torcedores na noite desta quarta (31).

Agora, nos resta esperar o vencedor do confronto entre Atlético Paranaense e Sampaio Correia. O primeiro jogo, no Maranhão, terminou com 1 a 1 no placar. O segundo ocorre nesta quinta, em Curitiba.

Com uma escalação inédita no ano que incluiu Ivo no lugar do contundido Cleiton Xavier e o estreante Bruno Paulo, o Palmeiras se mostrou um pouco lento, com o adversário jogando fechado na defesa e apostando apenas em contraataques que não ocorreram.

Aos 10 minutos, o goleiro Alexandre Favaro fez boa defesa em chute de Diego Souza. Aos 16 minutos, Ivo chuta forte, o goleiro solta e Bruno Paulo quase abre o marcador.

O fraco árbitro Pablo dos Santos Alves não marcou dois pênaltis claros a favor do Verdão, um aos 22 minutos em cima de Bruno Paulo e outro aos 29 minutos, quando o zagueiro do time paraense tentou colocar a mão na bola.

A segunda etapa se manteve no mesmo passo, com os comandados de Antonio Carlos Zago criando inúmeras chances de gol normalmente finalizadas de forma infeliz. O Paysandu, por sua vez, teve apenas duas chances claras de gol.

Aos 15 minutos, a zica foi afastada do Palestra. Em excelente cruzamento de Pablo Armero, Robert (sempre ele) cabeceou e fez o gol que manteve o Palmeiras mais vivo do que nunca na Copa do Brasil, nosso grande objetivo nesse primeiro semestre.

Notas rápidas: Bruno Paulo fez boa estreia, mostrando disposição e desenvoltura. Armero se superou em relação a partidas anteriores e Ivo não se saiu tão mal.

Problemas básicos: finalizações fracas e falta de tranqüilidade em alguns momentos.


Ouça também o Torpedo Verde, o boletim diário da Rádio Mondo Palmeiras.