Palmeiras bate Fluminense na Allianz Parque

No último dia 9, Luiz Felipe Scolari completou 70 anos de idade. Nesta quarta-feira (14), o Palmeiras, que ele treina pela terceira vez, atingiu o mesmo número, só que de pontos no Brasileirão 2018. Com uma bela vitória por 3 a 0 contra o Fluminense na Allianz Parque, o Verdão na pior das hipóteses manterá cinco pontos acima do segundo colocado ao fim desta rodada, e agora só faltam quatro para o final do campeonato.

O primeiro tempo teve como marcas o Fluminense fechado em seu campo defensivo e o Palmeiras tentando abrir espaços. Borja em chute logo a 1 minutos e aos 19 minutos e Bruno Henrique cobrando falta aos 14 minutos assustaram o time carioca, que teve sua primeira tentativa aos 20 minutos, em chute de Junior Dutra que passou por cima do gol.

Mayke tentou aos 29 minutos, com boa defesa de Julio Cesar. Aos 38 minutos, novamente Junior Dutra, agora com mais perigo, desviou a bola para fora. Quando parecia que o empate prevaleceria na etapa inicial, o gol: Diogo Barbosa faz bela jogada e cruza, Willian desvia e Borja finaliza com a precisão de artilheiro, aos 40 minutos. Aos 47 minutos, Bruno Henrique cobra falta e a bola passa por cima da meta carioca.

Como seria de se esperar, o Fluminense voltou disposto a buscar o empate, mas não conseguia criar jogadas de real perigo. Enquanto isso, o Verdão errava o último passe, nos contra-ataques, mas mesmo assim parecia levar mais perigo do que o rival carioca. Aí, aos 37 minutos, Felipe Melo, que havia acabado de entrar, acertou um chute incrível, com a bola no ar, e marcou.

Com 2 a 0 a favor, o Fluminense despencou de vez, e ainda houve tempo para um terceiro gol. Gustavo Scarpa cobrou falta e Luan, de ombro, marcou aos 44 minutos, confirmando uma vitória importantíssima contra a última equipe que nos derrotou no Brasileirão, há 19 rodadas.

As notas dos jogadores do Palmeiras:

Weverton-6,0-– Pouco exigido, mas seguro quando precisou agir.

Mayke-7,0-– Partida impecável.

Luan-8,0-– Muito bem na zaga e ainda marcou um gol.

Gustavo Gómez-7,0-– Raça, bem pelo alto e muito seguro.

Diogo Barbosa-7,5-– Boa partida e bela assistência para o gol e Borja. Sua melhor performance em muito tempo.

Thiago Santos-6,5-– Raçudo, marcou muito e desarmou muito também. Regularidade pura!

Bruno Henrique-6,5-– Boa partida, bem regular e estável.

Lucas Lima-6,0-– Não brilhou, mas deu conta do recado, inclusive na marcação. Saiu aos 37 minutos do segundo tempo para a entrada de Felipe Melo-7,0, que entrou para ajudar a segurar o 1 a 0 e, em seu primeiro toque na bola, acabou marcando um golaço.

Dudu-8,0-– Infernizou a defesa do Fluminense, sofreu mais de dez faltas e mostrou o quanto é bom de bola. Saiu aos 40 minutos do segundo tempo para a entrada de Jean-sem nota.

William-6,0-– Jogou no sacrifício e foi bastante útil, inclusive participando da jogada do primeiro gol. Saiu aos 8 minutos do segundo tempo substituído por Gustavo Scarpa-7,0, que deu a assistência para o gol de Luan e ajudou a manter a bola no ataque.

Borja-7,0-– Fez o gol que abriu o caminho para esta importante vitória, a nossa 20ª no Brasileirão 2018.