Palmeiras empata e avança na Copinha

Carlos Pracidelli, treinador de goleiros do Palmeiras, merece um aumento de salário. A capacidade dele em revelar e aperfeiçoar novos jogadores da posição é impressionante. O mais novo integrante de sua linha de produção atende pelo nome de Dida, e está sendo um dos grandes destaques do Verdinho na Copa São Paulo de Juniores. Hoje, ele literalmente parou o ataque do Rio Claro, que mesmo jogando em casa e com o apoio de sua animadinha torcida, não conseguiu passar de um empate contra a nossa equipe. Um a um, placar que nos deu o primeiro lugar do grupo T e a classificação para a próxima fase do inchado torneio.

Como precisava da vitória de toda forma, a equipe interiorana foi para cima de Dida e seus companheiros, e criou boas oportunidades de gol, que nosso número um tratou de liquidar. Por sua vez, nosso time, que não teve atuação inspirada, ao menos soube criar alguns bons contra-ataques, e no último da primeira etapa, aos 44 minutos, o certeiro Daniel mandou para o fundo da meta adversária.

Com um a zero a seu favor e precisando apenas do empate para garantir o passaporte para a etapa seguinte do torneio, os comandados de Jorginho Sobrancelha Cantinflas recuaram demais para seu próprio campo, e, em falha da nossa zaga, o Rio Claro empatou a partida antes dos vinte da etapa final. Mesmo tendo pressionado bastante, não demonstrou capacidade suficiente para nos superar, com mais uma sucessão de boas defesas de Dida. Também poderíamos ter liquidado a partida nos contra-ataques, se Daniel tivesse companhia mais qualificada. Seja como for, o empate nos garantiu a classificação, com duas vitórias e um empate.