Palmeiras e Chapecoense empatam em amistoso

A Chapecoense foi o último adversário do Palmeiras em 2017 antes da conquista do título brasileiro. Depois daquele jogo, e da festa palmeirense, todo mundo sabe o que aconteceu e agora o Palmeiras volta a campo para enfrentar (e ajudar) o time catarinense na Arena Condá.

Além de participar desta partida, o Palmeiras também emprestou vários jogadores para a Chape. O volante Amaral (lembram dele?), o zagueiro Nathan e o lateral João Pedro participaram da partida amistosa, que só começou depois de muitas homenagens aos sobreviventes e familiares das vítimas da tragédia.

Apesar da chuva que cai em São Paulo, o sol deu as caras com tudo em Chapecó e isso talvez conteve mais as equipes.  Ninguém se arriscou muito e o jogo começou bem morno.

O time que começou jogando foi o seguinte: Fernando Prass; Jean, Antônio Carlos, Thiago Martins e Egídio; Felipe Melo; Róger Guedes, Tchê Tchê, Raphael Veiga e Dudu; Alecsandro.

Gostei de ver o Raphael Veiga, que também marcou o primeiro gol e gostei da disposição do Felipe Melo no meio-campo. Esses dois vão render muito mais ainda durante a temporada.

No segundo-tempo, o Eduardo Baptista trocou o time quase inteiro: Fernando Prass (Jailson); Jean (Fabiano), Thiago Martins, Antônio Carlos (Maílton) e Egídio; Felipe Melo (Arouca); Róger Guedes (Hyoran), Tchê Tchê (Thiago Santos), Raphael Veiga (Vitinho) e Dudu (Keno); Alecsandro.

Pode até ser implicância minha, mas não gostei do Egídio, que continua marcando mal demais. O João Pedro fez a festa por ali.

Gostei de ver a tranquilidade do Keno, que joga fácil e vai fazer muitos gols também por aqui. O Vitinho fez um golaço e também surge como uma boa opção para banco de reservas.

Bem, a festa foi muito bonita, o Galvão Bueno fez aquele discurso sentimentaloide que o povo gosta, mas o jogo foi chato de assistir. Parecia um treino mesmo e eu esperava isso mesmo.

No próximo domingo, contra o Ponte Preta, acredito que teremos uma equipe mais aguerrida em campo e bem mais próxima do que a gente quer ver no Paulistão, Libertadores, etc.

Abraço a todos!