Murtosa comanda primeiro treino no Palmeiras

De volta ao Palmeiras, exatamente 10 anos depois de conquistar a Copa dos Campeões no comando do time, Murtosa, o auxiliar técnico de Felipão, voltou à Academia de futebol.

Com o mesmo bigode que é a sua marca registrada, o homem de confiança de Scolari, comandou um coletivo no qual pôde observar todos os jogadores do elenco.

“Vamos avaliar jogador por jogador, pois queremos analisar todos os que estão aqui. Ainda é cedo prever o que vai acontecer, por isso vamos aproveitar esses amistosos para conhecer melhor o grupo”, comentou o assistente técnico.

Sobre o assunto do dia, a ida de Diego Souza para o Atlético-MG, Murtosa também se pronunciou em entrevista coletiva, com uma opinião bem parecida com a nossa:

“Achamos muito estranho ele ter ido para o Atlético-MG, pois não fomos comunicados. A Traffic é parceira do clube e o Felipão pediu ele de volta. Vamos aguardar.”, afirmou ele.

Para mim, o mais importante foi que Murtosa, falando claramente em nome do Felipão, não prometeu nada a curto prazo, pois sabe das carências do elenco.

“Não somos mágicos e não podemos iludir o torcedor. É claro que para onde vamos, nosso objetivo é sempre ser campeão. Mas é preciso ter coerência e ser realista. Vamos analisar bastante o atual elenco e ver aonde podemos nos reforçar. Não posso dizer que a curto prazo vamos conquistar algo”, explicou ele.

Mais claro que isso, impossível.