Mazinho e Fernandinho são os novos reforços do Verdão

Os boatos já estavam circulando desde ontem e, em se tratando de Palmeiras, onde até o jardineiro fica sabendo o que se passa na sala da presidência, mais uma vez alguém andou vazando informações. No início da tarde de hoje o Verdão confirmou a contratação (e o “boato”) de dois atletas vindos por empréstimo do “glorioso” Oeste de Itápolis para o restante da temporada.

Trata-se do atacante Mazinho e do lateral esquerdo Fernandinho Galhardo, que chegam sem custos ao Palmeiras até o final de 2012, com possibilidade de compra ao término do vínculo, sendo o valor do passe previamente fixado. Até o presente momento nenhum nome do elenco palmeirense irá como compensação ao Rubrão.

Toda a negociação foi conduzida pelo ‘encostado’ Roberto Frizzo, que se reuniu com diretores do Oeste e, em dez minutos – palavras do próprio dirigente palmeirense -, as contratações estavam acertadas. Vale lembrar que os dois nomes tiveram o aval da comissão técnica que, por sua vez, deu o sinal verde para a chegada dos jovens.

Mazinho, de 24 anos, chega para tentar resolver os problemas no setor ofensivo do Verdão. O atleta atuou em grande parte do campeonato como segundo atacante, caindo pelos lados do campo e penetrando nas defesas com velocidade. Seria uma espécie de “sombra” para o baixinho Maikon Leite, que não possuía nenhum reserva dotado das mesmas características. Mazinho se destaca também nas cobranças de faltas de curta e média distância.

Já Fernandinho chega para preencher a vaga de suplente imediato de Juninho, que até poucos dias atrás pertencia a Gerley, emprestado ao Bahia. O lateral-esquerdo se destacou no Paulistão 2012 por sua qualidade no passe e assistências, tendo semelhanças com o titular palmeirense no que diz respeito ao apoio com velocidade. A marcação é o grande obstáculo do jogador.

Que o elenco alviverde necessitava (ou necessita) de reforços disso ninguém deve discordar, entretanto fica a velha indagação que nove entre dez palestrinos devem estar se fazendo nesse exato momento: não seria a hora de dar chances aos moleques da base, dar confiança aos “pratas da casa” e buscar internamente atletas para integrarem o elenco do Palmeiras?

A resposta para isso só o treinador tem. Mas já que Mazinho e Fernandinho até realizaram exames na Academia e estarão compondo o elenco esmeraldino a partir de hoje (só para a Copa do Brasil), nos resta apenas desejar boa sorte a ambos e que aproveitem a grande chance de suas carreiras, que possam expurgar toda a desconfiança que os rondam, tenham a cabeça no lugar e compreendam que defenderão um dos maiores times do mundo.

Agora rezemos para que o futebol dos garotos do Oeste não seja no diminutivo como suas alcunhas…

Abraço a todos!