Mano Menezes fala, Grêmio bate e Verdão ganha

chamada49.gif

O técnico do Grêmio, Mano Menezes, ficou bravo com Caio Júnior porque este último teria dito que o time treinado por ele bate muito. Pois bem. Durante 90 minutos, a equipe de Porto Alegre atuou como se estivesse em uma competição de full contact, com uma cacetada nos jogadores adversários a cada dez segundos.

No entanto, nosso Alviverde Imponente mostrou que, no campeonato gangorra, chegou a vez de subir, e na hora certa. Com gols de Caio e Rodrigão, feitos na primeira etapa, o Palmeiras venceu no Palestra Itália com sobras. Isso, mesmo com o juizão distribuindo mais amarelos para nós, e tentando sacanear com El Mago, que apanhou muito e, só para variar, foi amarelado. Com o perdão do palavrão, “cai-cai” é o caralho!

Meus caros hardys, perdoem-me, pois vocês teoricamente também torcem pela Sociedade Esportiva Palmeiras. Mas, hoje, nossa equipe não deu brechas para vocês. O time entrou com muita determinação e garra, desde o primeiro momento. Após alguns lances de perigo, falta na intermediária. Caio, em boa cobrança aos 13 minutos, mandou para o fundo do gol de Saja, que (o Goleiro Verde irá concordar) vacilou. Mas méritos totais para nosso atleta, que, por sinal, deu show de bola, assim como Valmir (o novo atleta Mondopalmeiras), a zaga e El Mago. Aos 22 minutos, um dos momentos mais surpreendentes do campeonato: Rodrigão, em sensacional tabela com Valdívia, mandou a bola para o fundo da rede da equipe gaúcha. Golaço!!!!

Daí em diante, os comandados de Caio Júnior souberam segurar o jogo e conter o ímpeto do Grêmio, que bateu como se não houvesse amanhã, e levaram os três pontos, que nos colocaram novamente no cobiçado G4. E que venham os Luxa Boys!