Leo Lima recuperado, Deyvid Sacconi, quase

Plenamente recuperado de um estiramento no posterior da coxa esquerda, o volante Léo Lima afirmou que não vê a hora de voltar a ajudar o grupo após quatro partidas de fora.”Em 2007 fiquei muito tempo parado e, dessa vez, a ansiedade está maior mesmo tendo ficado só quatro jogos de fora. Estou me sentindo muito bem e tenho treinado forte desde o final da semana passada. Não sinto mais dor”. Quem também poderá voltar em breve é o meia Deyvid Sacconi, afastado dos gramados desde janeiro.

Leo Lima evitou dizer se vai voltar ao time titular e deixou claro que prefere esperar a decisão de Vanderlei Luxemburgo. “Vamos aguardar os treinos com bola. Se eu começar jogando contra o Inter, será ótimo, pois estou mais do que preparado. Se tiver que começar no banco, também não tem problema, pois hoje o Palmeiras é formado por um elenco de muita qualidade.”
Ele ficou de fora das finais do Paulistão, mas as atuações durante a competição, em especial na segunda partida da semifinal contra o São Paulo, quando marcou um belo gol de fora da área,acabaram fazendo com que o jogador se tornasse ídolo. “É incrível o carinho que tenho recebido por parte da torcida palmeirense. Não sabia que seria assim e estou muito feliz. Quando voltar, posso prometer muita raça, pois a vontade de jogar é enorme”. O jogador garante ser hoje um atleta diferente em relação ao seu passado.

“A desconfiança que existia quando cheguei foi por culpa somente minha, mas o tempo provou que eu tinha condições de mudar. Agradeço isso tudo ao grupo do Palmeiras, que é maravilhoso, às pessoas que trabalham aqui e ao Vanderlei Luxemburgo, que apostou em mim.”
Por sua vez, Deyvid Sacconi está surpreendendo em sua recuperação do rompimento do ligamento cruzado anterior do joelho direito, ocorrido em 23 de janeiro na partida em que o Verdão ganhou do Marília por um a zero, no Paulistão.

Ele deveria ficar parado por seis meses, mas, segundo o médico Rubens Sampaio, vem reagindo melhor do que o esperado, e poderá ser liberado para iniciar atividades físicas em 15 dias. Com apenas 20 anos de idade, Sacconi tem contrato com o Palmeiras até meados de 2011.