Kleina comanda treino e patrocínio com dinheiro público vem aí

O técnico Gilson Kleina aproveitou o treino desta quinta-feira para testar mudanças no time. A novidade foi volta de Luís Felipe e Valdivia aos treinos, que participaram parcialmente das atividades.

Kleina ainda fez um coletivo onde dividiu a equipe em dois e promoveu alterações no grupo. Testou variações táticas e parou a atividade em diversos momentos para orientar os jogadores. Além disso, o treinador obrigou seus comandados a repetirem jogadas ensaiadas e movimentações ofensivas.

O técnico parece que irá fazer alterações no time.

******

Depois de meses de negociações, parece que o Palmeiras vai fechar mesmo o patrocínio com a Caixa Econômica Federal. Segundo Jornal Lance, o acordo valeria de janeiro a dezembro do próximo ano e renderia entre R$ 25 milhões e R$ 30 milhões aos cofres do Verdão.

Ainda segundo o jornal, quem ajudou na negociação foi Gilberto Carvalho, ministro-chefe da Secretaria-Geral da presidenta Dilma Rousseff e um dos principais conselheiros de Luiz Inácio Lula da Silva, do qual foi chefe de gabinete durante oito anos.

Dizem que o Ministro é palmeirense fanático e vive falando do clube lá em Brasília.

A Fiat também está na briga, mas parece que sem muita força.

A demora pelo patrocínio e o “deslumbre” no preço do mesmo (R$ 35 milhões ao ano) são motivos de críticas nas alamedas do clube.