Jogo contra Ponte traz Verdão de volta ao Palestra Itália

Em temporada na qual o nosso Alviverde Imponente deu uma de artista, fazendo turnê por São Paulo, é de se comemorar o fato de, hoje, às 21h45 (o famigerado “horário globo”), jogarmos no estádio Palestra Itália pela segunda vez no ano. Desta vez, o adversário é a Ponte Preta, segunda colocada na competição e com apenas dois pontinhos a mais do que nós. Ou seja, uma vitória simples nos deixará não só na frente deles, como também no G4, levando-se em conta que o terceiro e o quarto colocados na tabela (Barueri e Jardim Leonor) jogam entre si. Vale a torcida e o apoio irrestrito por parte da “torcida que canta e vibra”.

Marcos, Diego Souza e Valdívia serão os desfalques. Em seus lugares, entrarão, respectivamente, Diego Cavalieri, Wendel e Denílson, sendo que caberá a este último, e também a Leo Lima, a armação do time. A escalação: Diego Cavalieri, Elder Granja, Gustavo, Henrique e Leandro; Pierre, Wendel, Leo Lima e Denílson; Kleber e Alex Mineiro. Será a partida de número 94 de Wendel com a camisa do time profissional do Palmeiras. Atleta contestado por algumas alas da torcida, ele, no entanto, firma-se cada vez mais, graças a sua versatilidade e espírito de luta. Quanto a Denílson, o atleta procura mostrar tranqüilidade, ao ser questionado sobre o fato de ter 30 anos de idade. “Na Europa, o atleta é até mais valorizado nessa faixa etária, enquanto por aqui, é contestado; é importante ter cabeça boa para poder encarar esse tipo de comentário maldoso”, afirmou, na entrevista coletiva de ontem.

A equipe de Campinas já jogou 106 partidas contra o Palmeiras, segundo informações da assessoria de imprensa do Verdão. São 54 vitórias, 28 empates e 24 derrotas, com 181 gols pró e 110 contra. No Paulistão, são 32 vitórias, 26 empates e 14 derrotas.

O placar do Goleiro Verde é 1×0. E o seu?