Com o fim de seu contrato, goleiro Bruno escreve carta de despedida

O goleiro Bruno foi o primeiro atleta entrevistado aqui em Mondo Verde, quando ainda era Mondo Palmeiras. Ele ainda estava nas categorias de base do clube quando apareceu com o seu pai (Seu Toninho) no estúdio para ser entrevistado.

Bruno passou 18 anos no Palmeiras, foi considerado o melhor goleiro da Copa do Brasil em 2012 e foi uma peça fundamental para a conquista do título.

Torcedor fanático do Palmeiras, Bruno promete em sua carta de despedida retornar ao clube no futuro:

“Eu sabia que um dia esse momento chegaria. Tentei me preparar, mas é muito difícil. Nenhum de vocês imagina. No fim deste ano, um ciclo se encerra em minha vida. São 18 anos vestindo essa camisa, uma história enorme, uma vida inteira.

Serei grato ao Palmeiras por tudo que sou, tudo que tenho e pelo homem que me tornei. Afinal, foi lá dentro que eu cresci. Jamais me esquecerei de um segundo sequer vivido dentro deste clube. Podem ter certeza: ninguém foi mais feliz nas alegrias, e nem mais triste nos momentos ruins, do que eu.

Não vou dizer adeus porque isso não é uma despedida. É um até logo, pois, mesmo que não como jogador, a vida e o tempo se encarregarão de me trazer de volta. O Palmeiras é e sempre será a minha casa, e da nossa casa a gente nunca esquece. Pode até demorar, mas sempre voltamos.

Bruno Cortez Cardoso”.