Garçom Leo Lima, nova virada e Verdão no G 4

Quando não dá na técnica, que venha na raça. Eis uma das frases possíveis para definir a vitória de hoje do Palmeiras, de virada novamente, diante da Ponte Preta, no Palestra Itália. Com uma chuva nem tão forte assim, mas que gerou poças em várias partes do gramado, e contra um adversário extremamente aplicado, o Verdão penou, mas ganhou e está de volta ao G 4.

O grande nome da partida: Leo Lima, que com dois lançamentos milimétricos, proporcionou nossos dois gols a, respectivamente, Alex Mineiro (aos 33 do primeiro tempo) e Kleber (aos 20 do segundo). Ah, e vencemos também Luiz Flávio Oliveira, do clã que, pelo visto, setorizou a missão de apitar jogos de nossa equipe. E, só para variar, nos prejudicou.

Em termos técnicos, sentimos a falta de Valdívia e Diego Souza. Tanto que, aos 16 minutos, a Ponte fez seu primeiro gol, e com justiça, em jogada pelo setor direito de nossa defesa na qual Diego Cavalieri vacilou ao não sair do gol, e permitiu o passe a Elias, que finalizou com segurança. Como o time não andava, Luxemburgo agiu rápido, tirando o esforçado Wendel e pondo Lenny logo aos 30 minutos. Deu sorte: três minutos depois, Alex Mineiro empatou o jogo. Aos 40 minutos, o irmão de PC Canuto Oliveira comete um de seus erros capitais na partida: deixa de marcar pênalti claro de Eduardo Arroz, que puxou a camisa de Kleber na grande área.

Na etapa final, a chuva prejudicou as equipes, mas o Palmeiras não veio bem, e sofria um certo sufoco da equipe campineira, até que mais um lançamento a la Gerson de Leo Lima encontrou Kleber, que, com presença física e um belo chute de esquerda, fez seu primeiro tento com o manto sagrado. Daí em diante, chegamos até a tomar bola na trave, mas seguramos a vitória. Totalmente sem critérios, LF Canuto Oliveira deu cartão amarelo injusto para Pierre aos 39 minutos da segunda etapa, o que tira nosso volante do clássico de domingo. Mas nem essas arbitragens estão conseguindo nos segurar. Beleza!

Imagem: Globo.com

*********

Ouça também o Torpedo Verde, boletim diário da Rádio Mondo Palmeiras, trazendo hoje comentários sobre mais esta vitória do Verdão.