Fabrício Carvalho foi punido; Adriano será?

Alexandre Magno, presidente do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) de Goiás, acatou a representação feita pelo procurador Márcio Flamarion e suspendeu o atacante Fabrício Carvalho, do Goiás, pelo gol de mão marcado na primeira partida da semifinal do Campeonato Goiano.

A equipe esmeraldina venceu o Vila Nova-GO por 2 a 1. O jogador foi enquadrado no artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que pune “quem assume atitude contrária à disciplina ou à moral do esporte”. O atleta está suspenso preventivamente por 30 dias, até a data do julgamento final do caso. Desta forma, Fabrício Carvalho está fora da partida de volta da semifinal do Goiano.

Após o término da partida, o jogador assumiu que usou a mão para colocar a bola no fundo da rede. “Não vou mentir, estiquei a mão, a bola pegou no meu polegar e entrou. Não quero comparar, mas o Túlio marcou de mão pela seleção brasileira e o Maradona na Copa de 1986. Também fiz o meu”, confessou. 

O vice-presidente e diretor jurídico do Goiás, João Bosco, entrará com mandado de garantia no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) contra a decisão do Tribunal de Goiás, que suspendeu Fabrício Carvalho.O diretor do clube alviverde argumenta que o lance, se o árbitro tivesse visto, originaria, no máximo, um cartão amarelo ao jogador. “O gol, sequer, foi de Fabrício. Na verdade quem fez o gol foi o zagueiro André Leone”. João Bosco confia que o STJD irá revogar a decisão do TJD goiano e Fabrício terá condições de jogo neste domingo, na segunda partida da semifinal.”

Agora, leiam as declarações do atleta Adriano, referentes ao gol feito por ele na partida de ontem entre São Paulo e Palmeiras, transcritas da edição de hoje da Folha de S.Paulo:

“Pergunta: você fez o gol com a mão?

Adriano: Entrei para completar o lance de cabeça, me estiquei, mas acontece. Isso (gol de mão) acaba fazendo parte do futebol. Maradona também fez gol de mão na Copa do Mundo (contra a Inglaterra, em 1986, no México) e falaram que ele era o melhor jogador do mundo”.

Até a citação de Maradona é igual. E aí, Adriano merece ou não receber a mesma punição? Queremos sua opinião. E entraremos em contato com a direção do Palmeiras para alertá-la.

Essa matéria foi gerada por material enviado a nós pelo internauta/ouvinte Fábio Espíndola, a quem agradecemos as dicas preciosas.