Em Rosário, Palmeiras vai para o tudo ou nada na Libertadores

 

Matar ou morrer. É exatamente essa a situação do Palmeiras hoje na Argentina, mais precisamente em Rosário, onde vamos enfrentar o Rosário Central, às 21:45.

Bem, o time argentino não perde lá no Gigante de Arroyito faz muito tempo, mas não é impossível vencê-los lá, apesar de toda a pressão da torcida. Para mim, esse é a pior coisa de atuar nesse estádio.

Se jogarmos com a mesma formação e conseguirmos segurar a pressão inicial, podemos pensar em buscar uma vitória. O Nacional do Uruguai, que não é nenhum Real Madrid, quase conseguiu vencer em Rosario. Um pênalti mandrake acabou dando aos argentinos a chance de empatar a partida nos acréscimos.

O empate nos mantém vivo na Libertadores, mas daí vamos depender de outros resultados, saldo de gols e muita sorte para seguir em frente na competição. Precisamos vencer!

Dudu não vai pro jogo, mas certamente estará torcendo muito em casa. A parte dele, no dérbi, ele já fez e o time viajou com muito mais confiança depois daquela vitória.

Se Cuca mantiver (e espero que mantenha) a mesma equipe que bateu o principal rival neste domingo, vamos ter poucas mudanças em campo. Apenas Arouca, que sofreu um desgaste físico ficará de fora deste duelo tão importante, mas Matheus Sales entra em seu lugar.

Muita gente dizia que o Palmeiras não teria chances no dérbi. Dentro de campo, vimos outra coisa e a vitória poderia ser até por um placar mais amplo…acredito que podemos vencer também na Argentina, SIM!

O provável Palmeiras que vai campo é o seguinte: Fernando Prass; Jean, Thiago Martins, Vitor Hugo e Egídio; Gabriel, Matheus Sales, Zé Roberto (Lucas Barrios) e Robinho; Gabriel Jesus e Alecsandro.

O melhor pós-jogo de Rosario Central x Palmeiras você acompanha aqui no Clube Mondo Verde. Ah, e tem promoção exclusiva para sócios.

Abraço a todos!