É reação: virada e goleada pra cima do Cruzeiro

O Palmeiras estava mesmo precisando de uma vitória como essas. Cinco a dois contra o Cruzeiro, que, no início da rodada, era o vice-líder do campeonato. Melhor: com uma atuação bem convincente, especialmente na etapa final, quando Valdívia, Diego Souza, Leandro e Alex Mineiro lideraram o baile. Quebrando um pequeno tabu de três anos sem ganhar da equipe mineira, o Verdão conseguiu, em apenas uma partida, fazer mais gols do que nas outras cinco juntas. E de virada, para levar a torcida que canta e vibra ao êxtase.

Fica difícil acreditar que o início do desempenho alviverde nesta partida tenha sido muito semelhante ao dos jogos anteriores. Mas foi. Time meio confuso, marcação forte do time de Adilson Batista, pouca objetividade… Aos 15 minutos, pênalti para o Cruzeiro, que Guilherme bate com precisão. Aos 23, Marcos faz defesa difícil em chute de Ramirez.

Imagem: Ricardo Bakker/Diário de São Paulo

Quando a coisa parecia querer ficar realmente preta, Valdívia fez bela jogada aos 29 minutos e entrou cara-a-cara com Fábio, sendo derrubado por Tiago Martinelli. Pênalti, e justa expulsão para o jogador adversário. Alex Mineiro cobrou com paradinha e tudo, empatando para nós. Logo em seguida, Luxemburgo tira Leo Lima e coloca em seu lugar Diego Souza, que surpreendentemente começou na reserva, pois Pierre se recuperou e jogou normalmente. O banco fez bem a ele, que entrou com vontade e criando boas jogadas.

A segunda etapa marcou o melhor desempenho do time esmeraldino até agora, no campeonato. Tanto que, aos 12 minutos, a virada se concretizou, com Valdívia chutando forte e marcando gol após belo cruzamento de Leandro escorado com maestria por Diego Souza. Aos 22 minutos, a justiça se fez: Diego Souza mandou para o fundo das redes, após passe açucarado do Mago. Em falha de Marcos, Charles acertou chute de longe e diminuiu o placar.

Não adiantou nada: três minutos depois, aos 34, Henrique fez de cabeça após mais uma assistência matadora de Leandro. O sempre valente Pierre também deu sua contribuição em cruzamento perfeito pela direita, que Alex Mineiro conclui com faro de artilheiro: 5 a 2. E o Vanderlei Luxemburgo desta vez deve ter saído rouco, de tanto gritar para orientar (bem) sua equipe. Grande vitória, mesmo com chuva e frio no Palestra Itália.

***********

Ouça também o Torpedo Verde, o boletim diário da Rádio Mondo Palmeiras.