Palmeirenses são punidos por falar a verdade

TJD-SP ou Tribunal de Justiça Desportiva-SP. Esse é o nome do órgão que condenou hoje Deola, Danilo e Felipão.

O zagueiro, que tomou um cartão vermelho, pegou um jogo de gancho. Normal.

Felipão foi julgado com base nos artigos no artigos 243-F (ofender alguém em sua honra, por fato relacionado diretamente ao desporto) e 258 (assumir atitude contrária à disciplina ou à moral desportiva) por criticar o árbitro Paulo César de Oliveira.

A sua condenação foi pesada. Seis jogos de gancho e quarenta mil reais de multa, por criticar uma arbitragem que já estava sob suspeita bem antes do início da partida.

Já o goleiro Deola levou dois jogos de suspensão por conta de um comentário feito no Twitter sobre a FPF e o imbróglio envovlendo a escolha do árbitro para a partida.

Muito bem, todos foram exemplarmente punidos. Meus parabéns a esse respeitadíssimo tribunal. O que não foi esclarecido até agora é como já se sabia que PC Oliveira seria escolhido para apitar a partida antes mesmo do sorteio!!!

Claro que o TJD-SP, órgão que funciona dentro da FPF, não vai investigar isso. Mas e o Ministério Público e a imprensa “especializada” vão deixar mais esse escândalo do jeito que está?

Quem se cala, também é culpado. Ou não?

Abraço a todos!