Cuca já tem “na cabeça” o time ideal para o Brasileirão

Coletiva de treinador e jogador é uma coisa chata. É difícil ter alguém como o Cuca, que consegue sair do lugar comum e, sem enrolação, fala exatamente o que nós queremos ouvir.

Depois de passar duas semanas aprimorando a forma física, o time do Palmeiras segue para Atibaia para a última semana de preparação antes do início do Campeonato Brasileiro.

Lá, ele pretende começar imprimir um padrão tático (que será alterado, dependendo da necessidade) a esse time que, segundo ele, já está montado na sua mente.

“A gente já tem ideia boa. Já tenho meu time na cabeça pronto, mas na semana que vem eu defino em cima dos treinamentos” disse ele.

Claro que novos reforços devem chegar e ainda tem muita gente pra sair também, mas pelo menos a chamada espinha dorsal da equipe deve estar pronta já nas primeiras rodadas do Brasileirão.

O que Cuca e, principalmente a diretoria palmeirense, devem considerar é a abertura da janela europeia (em julho) quando alguns jogadores importantes podem deixar o clube.

Temos que estar atentos ao mercado para buscar reforços também. Caso seja necessário, apesar do discurso de “não faremos loucuras” do presidente Paulo Nobre, será preciso abrir os cofres.

Sei que ano de eleição é sempre complicado no Palmeiras, mas não dá pra entrar no Brasileirão com um time meia-boca/desfalcado…ou não aprenderam isso ainda?

Abraço a todos!