Contra o Jorge Wilstermann, Palmeiras terá mudanças importantes no time

Depois da batalha de Montevidéu, o Palmeiras volta a atuar nesta quarta-feira, também pela Copa Libertadores, mas desta vez contra o Jorge Wilstermann, em Cochabamba.

Bem mais tranquilo desta vez, o técnico Eduardo Baptista voltou a falar com a imprensa hoje e indicou que o time será bem diferente para esta partida. Todos já sabem que o Felipe Melo irá cumprir suspensão imposta pela Conmebol e será substituído pelo Thiago Santos.

Além disso, o time viaja amanhã para a Bolívia provavelmente sem Zé Roberto. O zagueiro Edu Dracena segue como dúvida.

“O Zé está praticamente fora. O Edu espera até amanhã. Nada grave, foi uma pancada no final do treinamento de ontem. Preocupa um pouquinho e vamos aguardar. O Zé é uma inflamação no tendão. Preocupa um pouco porque ele não treinou. Como só tem uma relação de 18, com 7 reservas, vamos escolher recuperar e treinar para a estreia do Brasileiro”, afirmou o treinador palmeirense.

O treinador comandou um treino na manhã desta segunda-feira, dia do trabalho, e as principais novidades foram as presenças de Michel Bastos na lateral-esquerda e Willian Bigode no ataque.

A formação utilizada no treino de hoje foi a seguinte: Fernando Prass; Jean, Yerry Mina, Vitor Hugo e Michel Bastos; Thiago Santos; Róger Guedes, Alejandro Guerra, Tchê Tchê e Dudu; Willian Bigode.

Espero que este seja mesmo o time vai jogar contra o Jorge Wilstermann nesta quarta-feira. O Michel Bastos é muito mais jogador que o Egídio e o Borja é um atacante acima da média, mas ainda não está jogando o que sabe no Palmeiras.

Por falar em atacantes, espero que se concretize essa possível transferência do Alecsandro para o Bahia. Não é bom ter jogador famoso encostado no elenco…e tem mais gente que poderia ir com ele.

Vamos falar muito mais sobre o time que joga na Bolívia e também sobre o que aconteceu no Uruguai (com a presença de uma pessoa que esteve lá) no programa Mondo Verde de hoje. Fique ligado!

Abraço a todos!