Campeonato estadual não vale nada mesmo?

Alguns setores da grande mídia fazem campanha aberta, quase que diária, pedindo o fim dos campeonatos estaduais.

Os motivos alegados por alguns desses “gênios” são muitos. Falta de interesse do público, calendário apertado, e falta de competividade são alguns dos argumentos utilizados por eles para defender o fim dos campeonatos regionais.

Concordo que há muito o que alterar nessas competições, inclusive no nosso Paulistão. Os clubes do interior precisam de mais apoio, o calendário deve ser mais enxuto, etc…

No entanto, se os estaduais não valem nada, como explicar as “crises” que os campeonatos regionais têm causado nos grandes clubes do País, inclusive no Palmeiras?

Muricy (além dos ex-palmeirenses Cuca e Jorginho) foi demitido após uma derrota para o São Caetano, no Campeonato Paulista. Ronaldo brigou com torcedores do seu time quando deixava o estádio, após perder para o…Paulista de Jundiaí.

O time do Jd. Leonor também está em crise depois de cair nas seminfinais do Paulistão. AC Zago já está sendo questionado depois da décima-primeira colocação do Palmeiras, etc…

A lista é longa demais para um post…mas é evidente que, embora não tenha o glamour de outros tempos, o Paulistão ainda está longe de ser um “Paulistinha”.