Campeonato começa de forma equilibrada

Apenas seis das trinta e oito rodadas deste longo campeonato brasileiro já foram jogadas. Estamos entrando na temida janela de meio de ano, quando o mercado europeu fica aquecido e inúmeros jogadores brasileiros costumam invadir o mercado europeu. Seja como for, já é possível uma análise inicial da competição, obviamente enfocada em quem nos interessa, que é a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Estamos na quinta posição, com dez pontos ganhos, obtidos com três vitórias, um empate e duas derrotas. Fizemos nove gols, sofremos oito, e temos saldo positivo de um. Estamos a apenas três pontinhos de Flamengo, Grêmio e Cruzeiro, que dividem a ponta da tabela, e a um do Náutico, o quarto e último na zona de classificação para a Libertadores. Mesmo com tropeços e um início irregular, estamos na parte de cima da tabela, o que é muito bom. O saldo de gols é que ainda deixa a desejar, bastante inferior em relação aos concorrentes diretos.

Das equipes que estão à nossa frente, Flamengo e Cruzeiro sofreram derrotas contundentes na última rodada, o que lhes tirou a aura de possíveis favoritos a disparar na ponta. O time pernambucano, por sua vez, dá a impressão de que não se manterá nos primeiros postos por muito tempo. Dos rivais atrás de nós, o time de Muricy Sem Dentes mostrou poder de reação, com duas vitórias seguidas, mas tem tudo para perder atletas em breve, o que pode tornar sua vida não muito fácil no decorrer do torneio. E o Internacional de Porto Alegre confia no papo de Tite para reagir. No momento, ocupa uma preocupante décima quarta posição.

Dos quatro clubes que atualmente ocupam a zona de rebaixamento, Ipatinga e Goiás são os que parecem mais afeitos a permanecerem por lá. O Fluminense poderá se recuperar após a final da Libertadores, e tem muito time pior do que o Santos de Cuca no torneio. Exemplos: Coritiba, Figueirense, Vitória……

O mais importante é que, mesmo sem ter um início brilhante, o time treinado por Vanderlei Luxemburgo permanece em posição compatível com o seu status de um dos favoritos a levantar a taça.