Belíssimo final de primeiro turno para o Verdão

Nem em nossos sonhos mais otimistas poderíamos esperar que, após a tragédia grega que foi a performance do Palmeiras nas dez primeiras partidas do Brasileirão 2006, conseguiríamos reação tão impressionante. Quando o campeonato foi interrompido por causa da Copa do Mundo, estávamos na penúltima posição, com uma campanha abaixo de ridícula: dez jogos, uma vitória, um empate e oito derrotas, pífios nove gols a favor e vergonhosos vinte e quatro contra, saldo negativo de menos quinze. Um horror!

Nove jogos após a Copa: seis vitórias, três empates, nenhuma derrota, vinte gols a favor, apenas oito contra, saldo positivo de doze. Na soma dos resultados, acabamos o primeiro turno com sete vitórias, quatro empates e oito derrotas, vinte e nove gols pró, trinta e dois contra, saldo negativo de menos três. Subimos nove posições, e estamos na décima posição, ou seja, já na zona de classificação para a Copa Sul-americana. Apenas seis pontos nos separam da zona de classificação para a Libertadores, e já conseguimos abrir quatro pontos para o grupo dos desesperados (rebaixamento), onde nosso querido Corinthians continua firme e forte, em décimo oitavo lugar.

Se conseguir manter essa ascensão, o Palmeiras promete subir ainda mais no segundo turno. Cruzemos os dedos, e que possamos começar a nova fase devolvendo a lamentável derrota de 3 a 2 para a Ponte Preta, desta vez na casa deles.