Baú do Palestra – Palmeiras X P.Preta: 76 anos de histórias

periquitoO Palmeiras vai a campo hoje às 21h, no Allianz Parque, contra a Ponte Preta, tradicional equipe de Campinas.

Claro que o jogo contra a Macaca não tem o mesmo peso dos clássicos contra Corinthians, São Paulo e Santos, mas, definitivamente é um jogo com grande tradição dentro do futebol paulista.

São 76 anos de confrontos entre as duas equipes, já que o primeiro jogo aconteceu no dia 5 de novembro de 1939, lá em Campinas, e a vitória foi do Palestra Itália por 5 a 0.

Ao total foram 120 jogos entre Palmeiras e Ponte Preta com os seguintes números:

– 62 vitórias do Palmeiras (204 gols)

– 29 vitórias da Ponte Preta (127 gols)

– 29 empates

Na expectativa pelo jogo de hoje à noite, em que o Palmeiras precisa obrigatoriamente se recuperar da goleada e do mau futebol apresentado contra a Chapecoense, vamos relembrar grandes duelos e situações que marcaram história no futebol paulista, por isso selecionei alguns números que marcaram época:

A maior goleada

Aconteceu em 1959 e foi pelo campeonato paulista

26/12/1959 – Palmeiras 6 X 1 Ponte Preta

Palmeiras: Valdir; Djalma Santos, Waldemar Carabina, Aldemar e Geraldo Scotto; Zequinha, Chinesinho e Américo; Julinho Botelho, Géo e Romeiro – Técnico: Oswaldo Brandão

Gols: Américo (2), Romeiro (3) e Julinho (Palmeiras)

Gamba (Ponte Preta)

Árbitro: Stephan Walte Glanz

Loca: Parque Antárctica

Os maiores tabus

Maior tabu Palmeiras: 23 jogos (1959-1975)

Maior tabu Ponte Preta: oito jogos (1979-1981)

Maior série de vitórias do Palmeiras: seis jogos (1935-1949) e (1959-1965)

Maior série de vitórias da Ponte Preta: cinco jogos (2000-2002)

A decisão

Palmeiras e Ponte Preta decidiram o campeonato paulista de 2008, e o Verdão foi campeão com duas vitórias.

1 – jogo

27/04/2008 – Ponte Preta 0 X 1 Palmeiras

Ponte Preta: Aranha; Raulen (Giuliano), João Paulo, Jean e Vicente; Deda, Bilica, Ricardo Conceição e Luis Ricardo; Wanderley (Marcelo Soares) e Danilo Neco (Leandro) – Técnico: Sérgio Guedes

Palmeiras: Marcos; Élder Granja, Gustavo, Henrique e Leandro; Pierre, Wendel, Diego Souza e Valdívia (Denílson); Alex Mineiro (Makelele) e Kléber (Lenny) – Técnico: Wanderley Luxemburgo

Gol: Kléber (Palmeiras) 20 minutos do primeiro tempo

Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira

Local: Moisés Lucarelli

2 – jogo

04/05/2008 – Palmeiras 5 X 0 Ponte Preta

Palmeiras: Marcos (Diego Cavalieri); Élder Granja, Gustavo, Henrique e Leandro; Pierre, Martinez, Diego Souza e Valdívia; Alex Mineiro (Lenny) e Kléber (Denílson) – Técnico: Wanderley Luxemburgo

Ponte Preta: Aranha; Eduardo Arroz, João Paulo, César e Vicente; Ricardo Conceição, Deda, Elias (Giuliano) e Renato; Luis Ricardo e Leandro (Wanderley) -Técnico: Sérgio Guedes

Gols: Ricardo Conceição (contra) 19min e Alex Mineiro 34min do primeiro tempo; Valdívia 28min, Alex Mineiro 30min e Alex Mineiro 34min do segundo tempo.

Árbitro: Cléber Wellington Abade

Público: 28 mil pessoas

Local: Parque Antárctica