Atletas saem em defesa do Palmeiras

Depois de tudo o que aconteceu nos últimos dias, não quero nem mais voltar ao assunto, dois dos principais atletas do elenco palmeirense foram aos microfones para defender as cores da Sociedade Esportiva Palmeiras.

O meia Valdívia, participando de um evento de um patrocinador, pediu para que os sócios-torcedores não cancelem o AVANTI.

“Acho que não é legal, porque sempre ouvi falar que o Palmeiras está acima de todo. Os torcedores têm que torcer pelo Palmeiras. Daqui a pouco, o Kleina sai, o Paulo Nobre sai, os jogadores saem, e o Palmeiras fica. Tudo o que é feito para o Palmeiras é para o bem do clube. O Palmeiras está acima de tudo”, disse o chileno.

O goleiro Fernando Prass também foi enfático ao defender o Palmeiras e também disse que não pretende sair do clube tão cedo.

“Falar da tradição e da grandeza do Palmeiras é sempre complicado. Em relação ao procedimento do clube é outra coisa. Atacar a história é complicado. Não tenho vontade de sair do Palmeiras, mas depende das duas partes. Tem clube e jogador. Hoje posso analisar que tenho contrato de mais um ano com o Palmeiras e não o descumprirei de maneira alguma.”, afirmou o titular do Verdão.

É isso aí. Se faltam cartolas competentes para administrar e defender as cores do Palmeiras, pelo menos temos alguns atletas fazendo isso da melhor forma possível.

Parabéns aos dois!