Até onde esse time pode realmente ir…

O Palmeiras venceu o Atlético-MG. Vitória com gol no último minuto. Com gol de falta. O torcedor comemorou muito, mas ainda está com aquela pulga atrás da orelha: será que esse time pode render mais do que isso?

Olhando no papel, o clube tem tudo para conquistar pelo menos um grande título nesta temporada: investimento, estrutura, elenco, etc. Mas como fazer isso sem ter um time capaz de empolgar a torcida.

Sei que os analistas se apegam apenas aos números, mas a sinergia entre time e torcida é algo muito importante.

Na maioria das vezes que o Palmeiras conquistou títulos, time e torcida eram uma coisa só. Em 2016, por exemplo, os adversários tremiam ao chegar no Allianz Parque ou no velho Palestra pois sabiam iriam enfrentar um time aguerrido com uma torcida barulhenta.

O time precisa passar essa confiança para a torcida. Ontem, contra o Atlético-MG, em muitas ocasiões a torcida mineira era a mais barulhenta no estádio. O torcedor palmeirense segue desconfiado com o Dudu, com o treinador, com a capacidade do time em manter na frente até o final da partida.

Sei que ainda falta mais um atacante ou talvez outro volante, mas ainda assim precisamos voltar a acreditar no Palmeiras. Pedir por contratações agora apenas vai transferir a responsabilidade para um recém-chegado e isso não é certo.

Quem está hoje lá tem que chamar para para si esta responsabilidade e mudar essa história. Ainda dá tempo de conquistar novamente a confiança da torcida. Sem isso, esse time não vai ganhar nada.

Abraço a todos!