Afinal, de quem é o título de 2005?

A grande notícia esportiva da semana não foi nenhum lance ou gol espetacular da última rodada do Campeonato Brasileiro. O grande furo da imprensa foi a divulgação de mais uma sórdida conversa entre o ex-presidente corintiano, A. Dualib, e o dublê de empresário, R. Duprat,

Na tal escuta telefônica, como todos já sabem, esses dois senhores afirmam que o título de 2005 foi roubado, e que o campeão de fato e de direito é o Internacional de Porto Alegre.

Hoje, 26 de setembro de 2007, todos sabem que o título corintiano é uma farsa. No entanto, daqui a 30 anos (ou menos) poucos vão se lembrar, a taça será legitimada pela prescrição do crime, e pelo conhecido esquecimento do povo brasileiro.

Ora, por fazer parte de um esquema tão sujo quanto esse da MSI a Juventus perdeu dois títulos do Campeonato Italiano e foi rebaixada! Os rivais podem dizer, com razão, que ainda faltam provas para que o título seja cassado. Nós temos indícios de sobra para exigir que o processo de cassação seja iniciado imediatamente.

Palmeirense, qual a sua opinião sobre assunto tão indigesto?

Abraço a todos!