A volta do G4 foi boa para o Verdão?

Este post foi publicado originalmente no dia 19 de outubro

O assunto do dia na grande mídia foi a quase liberação de quatro vagas no para times brasileiros na Copa Santander Libertadores, de 2011.

A Conmebol demorou, mas finalmente proferiu uma decisão final sobre o assunto. Nem tão definitiva assim, pois caso algum clube brasileiro vença a Sul-Americana, o G4 volta a ser G3. Um tanto confuso, não?

Como estamos disputando as duas competições (Sul-Americana e Brasileirão), será que essa mudança foi boa? Depois de ler um comentário aqui em Mondo Palmeiras, do ouvinte e amigo Marco, começo a ficar preocupado.

A Copa Sul-Americana era, até ontem, um torneio sem muita importância para os demais clubes brasileiros. Ninguém se importava mesmo, a não ser aqueles que participavam da competição.

Agora, ela pode tirar a vaga de algum grande clube brasileiro na mais cobiçada competição do continente.

Como o Palmeiras tem inúmeros problemas internos para resolver, a sua capacidade de influência em confederações é igual a zero. Com isso, a possibilidade de sermos prejudicados na competição aumenta muito.

Como se precaver? Jogando muito, provando a superioridade do Palmeiras a cada jogo, e fazendo com que a influência da arbitragem no resultado seja diminuída ao máximo.

Melhor avisar agora, do que chorar depois. Ou não?

Abraço a todos!